Home / De Qual Cidade É O Programa Boa Nota Paraná E Como Funciona? 

De Qual Cidade É O Programa Boa Nota Paraná E Como Funciona? 

Muitas vezes somos questionados se requeremos CPF na nota no momento da compra, porém, nem sempre sabemos se isso compensa ou é uma boa prática. Então, desenvolvemos este texto pensando em esclarecer em primeiro lugar, de qual cidade é o programa Boa Nota Paraná e como funciona. 




Uma vez que saiba os detalhes sobre o funcionamento deste programa passaremos a abordar o que é necessário para participar do programa Boa Nota Paraná de Curitiba. Sendo assim, conseguirá ter os dados necessários para que prossiga com o trâmite. 

Logo, abordaremos as lojas que pode pedir o CPF na Boa Nota Paraná de Curitiba, e com esta informação será capaz de aproveitar ao máximo este benefício, sempre pedindo que se coloque o seu número fiscal após a compra. 

Finalizaremos abordando quanto recebe de volta ao cadastrar seu CPF na Boa Nota Paraná de Curitiba. Assim, encontrará dados relacionados a quanto será sua restituição no final do período. Continue a leitura para saber mais ao respeito. Todos esses procedimentos são muito didáticos, assim como saber como funciona o Nota Paraná.




Saiba mais…

De Qual Cidade É O Programa Boa Nota Paraná E Como Funciona?
De Qual Cidade É O Programa Boa Nota Paraná E Como Funciona?

De Qual Cidade É O Programa Boa Nota Paraná E Como Funciona?

Se você estiver se perguntando de qual cidade é o programa Boa Nota Paraná e como funciona informamos que o Estado do Paraná desenvolveu este programa como forma de incentivo para que os consumidores coloquem seu numero fiscal em estabelecimentos comerciais. 

Funciona através de uma devolução realizada pelo estado de um imposto chamado ICMS. O ICMS é um imposto estadual sobre prestações de serviço e operações que se relacionam à circulação de mercadorias. Como consumidores acabamos pagando este imposto de forma indireta, já que o mesmo se encontra inseridos no preço dos produtos. 

Após a contagem dos créditos das notas dos consumidores, os mesmos são disponibilizados após o período. E, a partir deste momento o consumidor pode pedir que estes créditos sejam restituídos para seu uso. 

As formas de restituição são três: um depósito dos créditos na sua conta corrente ou conta poupança, conversão para créditos de celular e abatimento do IPVA. Lembrando que todos aqueles que tenham problemas de natureza tributária ou não tributária. 

Contudo, também é interessante informar ao interessado que o Programa da Nota de Paraná executa sorteios de prêmios em dinheiros para todos aqueles que sejam participantes do programa. 

O Que É Necessário Para Participar Do Programa Boa Nota Paraná De Curitiba?

Nesta parte do texto falaremos o que é necessário para participar do Programa Boa Nota Paraná de Curitiba, caso você queira participar no mesmo. 

Para isso, é necessário que o interessante ingresse ao site. Uma vez dentro da página deverá fazer click no botão verde que diz: Cadastre-se. Conforme se mostra na imagem abaixo. 

O Que É Necessário Para Participar Do Programa Boa Nota Paraná De Curitiba?
O Que É Necessário Para Participar Do Programa Boa Nota Paraná De Curitiba?

Aqui deverá colocar os dados relacionados ao seu CPF, data de nascimento, nome completo, nome da mãe, CEP, e-mail e pronto. Agora estará cadastrado. 

Lojas Que Posso Pedir O CPF No Boa Nota Paraná De Curitiba?

Se você estiver se perguntando sobre as lojas que pode pedir o CPF no Boa Nota Paraná de Curitiba informamos que isso pode ser feito na maioria dos comércios. Sem importar o tipo de bens ou serviços que sejam prestados. Então, aproveite e coloque o seu CPF na compra para ter mais restituição no futuro. 

Quanto Recebo De Volta Ao Cadastrar Meu CPF No Boa Nota Paraná De Curitiba?

Por último, caso você esteja se perguntando quanto recebe de volta ao cadastrar seu CPF no Boa Nota Paraná de Curitiba informamos que o Estado devolve 30% do ICMS efetivamente recolhido pelo estabelecimento aos consumidores. Então, você pode consultar o valor na nota fiscal que corresponde a este imposto e fazer o cálculo. 

Este cálculo do crédito de cada documento fiscal se realiza no terceiro mês após a compra. Por exemplo, quem comprou e colocou CPF na nota em Janeiro, conseguirá ter o seu crédito em Abril, e assim sucessivamente. 

Porém, é interessante e importante que lembre que há um prazo de 12 meses contando a partir da data de disponibilização pela Secretaria da Fazenda do Paraná para que os créditos sejam utilizados. Caso não o sejam, serão expirados.